fbpx

Envio de nota de repúdio Folha S. Paulo

 In Notícias

No dia 3 de Julho, o CAMP, enviou para a Ombudsman da Folha de S. Paulo e seus editores uma nota de repúdio em defesa dos profissionais de marketing político, após a publicação de um charge infeliz que tenta generalizar execrar em público toda uma classe que deve ser reconhecida pelo seu vital papel na manutenção e fortalecimento da democracia.

 

 

________

 

Prezada Sra. Ombudsman Paula Cesarino Costa,

Nota de repúdio à Charge intitulada “Marqueteiros”

O CAMP — Clube Associativo dos Profissionais de Marketing Político — entidade nascida neste ano de 2018, composta por mais de 50 profissionais de comunicação política e que estão à frente das principais pré-campanhas do País, vem por meio desta, repudiar veementemente o conteúdo da charge (em anexo) publicada na página dois deste jornal neste sábado dia 30 de junho, onde se generaliza de maneira gratuita um comportamento sob o título — Marqueteiros — no plural, insinuando que toda uma classe de profissionais, reconhecidos como indispensáveis para a vida democrática em todo o mundo, mereça ser execrada em público. Note-se que na charge citada o que se vê é uma demonstração de preconceito da mais rasa, que se iguala a todos os tipos condenáveis de discriminação com as quais certamente este veículo não compactua.

Reforçamos a nossa representatividade e importância ao citar, por exemplo, o acordo do TSE com o CAMP de colaboração ativa com a corte para identificar e reportar notícias falsas no período eleitoral. Ato que rendeu cobertura televisionada (GloboNews) e entrevista do presidente (RecordNews).

Certos de que a partir desta manifestação a FSP estará mais atenta às generalizações relativas à nossa atividade, registre-se nossa posição como entidade.

Grato pela atenção,

Atenciosamente.

CAMP — Clube Associativo dos Profissionais de Marketing Politico
http://campbrasil.com.br

Bruno Hoffmann
Presidente do CAMP
[email protected]
[email protected]

Recommended Posts

Leave a Comment